Acupuntura no Tratamento da Espasticidade

Bom dia Leitores!

Hoje o assunto é a Espasticidade.

Como dito no último Jogo Rápido, a Espasticidade é o aumento do tônus muscular, envolvendo hipertonia e hiperreflexia, no momento da contração muscular, causado por uma condição neurológica anormal.

Para a Medicina Tradicional Chinesa, o que mantém o paciente Espástico é uma condição que chamamos de Vento Interno. A condição neurológica anormal citada acima pode ser a causa do Vento Interno ou o Vento Interno pré existente pode causar a condição neurológica anormal. Explico:

O Fígado tem como função energética manter o fluxo harmônico de Qi (energia) e Xue (sangue) para todas as regiões do corpo. Quando o Fígado falha nessa distribuíção, temos a condição conhecida como Vento Interno. Ou seja, a circulação desarmônica de Qi e Sangue nada mais é do que Vento Interno.

Isso significa que em um dado momento, o Qi e o Sangue chegam à determinada região, em outro momento não chega. Nos momentos em que há falta de Qi e Sangue, temos tremores, paralisia, pensamento afetado, insônia e também os espasmos. Quanto maior a gravidade do Vento Interno, maior o risco e a severidade da espasticidade.

É importante relacionar algumas situações que geram o Vento Interno, como o estresse emocional de longo período (como raiva, frustração), o alto consumo de alimentos quentes e gordurosos e/ou álcool e o hábito de fumar estão entre os principais causadores de intoxicação hepática, levando à existência de vento interno.

Isso significa que os maus hábitos de vida podem levar o paciente à ter problemas neurológicos que levem à espasticidade. E um problema neurológico pré existente, consequente de genética, cirurgias ou qualquer outra causa, irão levar o paciente à condição de Vento Interno, pois irão afetar o funcionamento energético do Fígado.

Como podemos, então, ajudar o paciente com Espasticidade?

  • Primeiramente devemos orientar o paciente quando a diminuição do consumo de alimentos de essência quente e gordurosos. Cortar o álcool e o fumo.
  • Depois, precisamos orientar o consumo de alimentos que ajudem na circulação  e produção de Qi e sangue, como as raízes e as verduras verdes escuras.
  • Na acupuntura, devemos utilizar pontos que Removam o Vento Interno, como VB20, VB21, F3, VB34, Vaso Penetrador (BP4-CS6) e Vaso da Cintura: (VB41-TA5).
  • Pontos locais devem ser utilizados na Espasticidade. Sugiro de acordo com a região afetada:

a) Membro Superior: TA5, CS6, P3, IG11

b) Mão: TA3, TA4, IG4, P10

c) Membro Inferior: E36, VB34, VB39, BP6

d) Pé: F2, E41, R3, B60

  • A Auriculoterapia também é uma excelente proposta de tratamento, e para tal, usamos os pontos: Shenmen, Rim, Simpático, Analgesia, Relaxamento Muscular, Fígado, Fígado Yang somado ao ponto do local onde há espasticidade, exemplo: pontos de mão, pé, cotovelo, joelho, etc. Lembrando de não ultrapassar 11 pontos por tratamento.
  • A ventosa deslizante no local onde há Espasticidade também é muito bem vinda. Ajuda à remover toxinas, melhora a circulação de sangue e o retorno venoso.

Muitas vezes não conseguimos reverter o quadro de Espasticidade, uma vez que temos nestes casos o Sistema Nervoso Central envolvido, porém, é possível que o paciente sinta diferença na temperatura do membro, devido à melhor nutrição muscular. Assim, ocorre também, uma melhora da movimentação, e da condição da quebra do padrão durante o atendimento de fisioterapia, facilitando o terapeuta a movimentar o paciente e os terapeutas ocupacionais na recuperação da função de atividades diárias.

Em um outro momento, podemos discutir o quanto as doenças neurológicas, de forma geral, podem ser evitadas através das mudanças de hábitos e através da remoção do vento interno tão logo ele surja no paciente, mesmo não fazendo parte do que leva à queixa principal do mesmo.

Por enquanto, espero ter ajudado!

Um grande abraço à todos!

Profa. Fernanda Mara

** Siga-nos no Instagram 🙂

https://www.instagram.com/facilitandoacupuntura/

 



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>