A Medicina Chinesa e os cuidados no Inverno

Olá Pessoal!

Hoje vamos aproveitar que estamos no inverno e conversar sobre as influências dessa estação no nosso organismo, a maneira como a Medicina Chinesa vê e trabalha as possíveis consequências do período mais frio do ano.

Como a maioria de vocês sabe, em Medicina Chinesa cada uma das estações do ano possui uma energia celestial, ou seja, uma força da natureza que irá influenciar nas funções do corpo humano. São elas:

  • No verão – o calor
  • Na primavera – o vento
  • No outono – a secura
  • No inverno – o frio
  • Na interestação (período de aproximadamente 15 dias de transição entre uma estação e outra) – a umidade.

No momento estamos no inverno, por isso, as maiores e mais comuns consequências no corpo humano se dão na presença do frio.

Pela Medicina Oriental, o frio influencia os rins, a bexiga, os ossos e a força de vontade. Assim, é comum que as pessoas possuam problemas relacionados à esses órgãos e estruturas do corpo bem como estados depressivos sem grandes vontade de realizações de vida.

Dois são os principais motivos:

1. Ingerimos menos água:  no frio sentimos menos sede, ingerimos menos água e por isso diminuímos a função dos Rins e da Bexiga. Como é o Rim que comanda os ossos, é nessa época do ano que os problemas articulares como a artrite, a artrose, a osteoporose entre outros, apresentam mais sintomas, com dor e edema. Faltando energia aos Rins, o comportamento também será afetado. É no inverno que tendemos à introspecção e que nossa vontade de realizar objetivos diminui. Sentimos normalmente mais reservados e mais cansados, porém, o extremo desse comportamento pode levar à depressão.

** É importante saber que quando o Rim se torna excessivamente desequilibrado, ele irá drenar a energia do Pulmão para tentar o reequilíbrio. Com o Pulmão se tornando fraco, aparecem as doenças respiratórias tão comuns no inverno, como as gripes, resfriados, sinusites, bronquites, etc.

2. O frio diminui o metabolismo: o frio do inverno gera vasoconstrição e dificulta a circulação do Qi e do Sangue. O metabolismo se torna mais lento. A consequência é uma diminuição da oxigenação e nutrição dos tecidos, deixando a imunidade mais fraca. Os músculos e articulações também ficam menos nutridos, por isso dores por todo o corpo podem acontecer.

Como podemos evitar as doenças no frio?

  • Em primeiro lugar devemos vigiar nosso consumo de água. Devemos continuar o consumo normal, de em média 35ml de água por kg de peso, por dia, e aumentar em meio litro para cada quarenta minutos de atividade física aeróbica realizada. Lembrando que, em grande parte do país o inverno é seco, o que pode levar o indivíduo à desidratação caso não esteja atento ao consumo ideal de líquidos.
  • Devemos nos concentrar na alimentação. Alimentos e chás de essência quente ajudam a minimizar os efeitos do frio do inverno: canela, gengibre, anis, anis estrelado, café, cereja, cravo, alho, pimenta, nozes, castanhas entre outros alimentos são considerados mornos ou quentes para os elementos Água e Metal e seu consumo ajuda no aquecimento interno no corpo, protegendo o organismo de doenças do frio e melhorando os sintomas das que já estão presentes.
  • Fazer atividades físicas moderadas, como uma caminhada ritmada por pelo menos meia hora por dia ajuda no aquecimento do corpo.
  • Evitar alimentos com temperatura de consumo ou essência geladas.
  • Fazer escalda pés com um pouco de gengibre na água aquece o meridiano do Rim e trará bem estar.
  • Pontos de acupuntura R1, R3, R7, VC4 com agulhas e em especial com moxa, serão imprescindíveis para evitar ou melhorar sintomas de diversas patologias.
  • Em auriculoterapia, pontos como Rim, Pulmão e Metabolismo podem ser feitos com a mogussa (pequeno bastão de moxa japonesa feito de artermísia processada e compactada.

É isso pessoal!

Espero que tenham gostado do texto e que as informações sejam úteis!

Um grande abraço à todos!

Profa. Fernanda Mara



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>