Você Sabia?

  Olá Pessoal!

Hoje venho com uma pequena curiosidade…

Você sabia que todos os Meridianos de Acupuntura passam por dentro do Órgão que o representa e depois pela sua Víscera acoplada? E o oposto também é verdadeiro (O Meridiano da Víscera passa por dentro de seu Órgão acoplado)?

OU seja, temos:

Meridiano do Pulmão passa pelo Intestino Grosso.

Meridiano do Baço-Pâncreas passa pelo Estômago.

Meridiano do Coração passa pelo Intestino Delgado.

Meridiano do Rim passa pela Bexiga

Meridiano do Fígado passa pela Vesícula Biliar.

E VICE VERSA :)

Isso justifica o motivo pelo qual, muitas vezes, ao estudarmos funções de pontos de Acupuntura, encontrarmos pontos do Intestino Grosso que tratam questões do Pulmão ou ainda pontos de Coração tratarem questões do Intestino Delgado.  E assim sucessivamente.

E, com essas relações, encontramos muitas explicações para diversas patologias e sintomas, que a Medicina Ocidental ainda não possui alternativas para tratamento.

Vamos estudar?

Quer saber mais? Um bom Atlas de Acupuntura pode te ajudar!

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Quais os Trajetos dos Meridianos??

Boa Noite Pessoal!

Hoje meu post é dedicado aos iniciantes da prática da Medicina Chinesa e da Acupuntura!

Quando iniciamos os estudos dos Meridianos de Acupuntura, sempre ficamos em dúvida onde eles começam e onde eles terminam, e este post é para que vocês nunca mais esqueçam de seus trajetos.

Continue reading

Posted in Uncategorized | Leave a comment

JOGO RÁPIDO!

Boa Tarde Leitores!

Hoje o jogo rápido vai para quem está ANSIOSO!!!!

Recomendo pontos valiosos para quem não está conseguindo controlar a ansiedade, e com eles, vão dormir melhor, sentirem-se mais calmos e pensar com mais coerência. São eles:

a) B15 + B44 : respectivamente Bai Shu e Shen Shu do Coração

e como uma segunda opção, gosto muito dos pontos:

b) CS3 + CS6: pontos do pericárdio relacionados à acalmar a mente e abrir seus orifícios.

Experimentem! E sintam-se relaxados :)

Abraços à todos!

Profa. Fernanda

 

Posted in Uncategorized | 2 Comments

LIVE – Insônia Segundo a Medicina Tradicional Chinesa e Acupuntura

Boa Noite Pessoal!  

Esta noite teve Live no Facebook, pela página da IEDUV – Pós Graduações, para complementar o Post sobre Insônia, postado aqui na última segunda feira.

Se vocês quiserem dicas de quais órgãos estão afetados para cada tipo de insônia, sugestões de pontos e chás, é só acessar o link: https://youtu.be/P-cze3D7-Ks

Espero que gostem!

Um abraço à todos!

Profa. Fernanda

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Insônia Segundo a Medicina Tradicional Chinesa – Introdução

Bom dia Leitores!! 

Hoje vamos discutir um pouco sobre como a Medicina Chinesa vê a Insônia, mas antes de começarmos a falar do aspecto oriental, é preciso saber que, para a Medicina Ocidental a insônia é:

“A dificuldade de adormecer ou de manter o sono, que excede o período de um mês, independente de problemas de ordem física e sem a utilização de substâncias capazes de alterar o sono”.

Na Medicina Chinesa, a qualidade de sono e a capacidade de iniciar o sono estão relacionados à circulação harmônica de sangue no sistema nervoso central. A teoria diz que durante o dia, precisamos de sangue em todo corpo para o funcionamento dos sistemas fisiológicos e, no período da noite, o sangue retorna em maior quantidade ao sistema nervoso central para que a mente relaxe. Alguns livros clássicos dizem:

“Para que se tenha um bom sono, é preciso que a mente descanse sob uma manta de sangue”.

Partindo do princípio que para se dormir bem é necessária uma circulação de sangue ideal, os órgãos que tem relação com o sangue sempre estarão afetados quando o paciente não consegue dormir. São eles:

1) Baço-Pâncreas: Produz o sangue

2) Fígado: Envia sangue sob demanda (envia sangue para onde há necessidade de sangue, se eu vou correr uma maratona, preciso de sangue nos músculos. Se eu preciso digerir alimentos, o sangue será mandado para o estômago, etc…)

3) Coração: mantém o fluxo de sangue dentro dos vasos

4) Rim: produz medula e ajuda o Baço-Pâncreas na produção de sangue.

Para cada órgão afetado, somos capazes de produzir tipos de insônia diferentes, como demorar para pegar no sono, acordar diversas vezes durante à noite, ter sono perturbado por sonhos/pesadelos, acordar muito cedo pela manhã/madrugada e não conseguir mais dormir.

Todos esses tipos de insônia e algumas sugestões de pontos de tratamento serão discutidos em uma Live.

 Onde: https://www.facebook.com/ieduvcursos/

Quando: Quarta feira, dia 26/07 às 8hs

Espero vocês lá!

Abraços!

Profa. Fernanda

Posted in Uncategorized | Leave a comment

JOGO RÁPIDO!

 

Bom dia pessoal!

Hoje o jogo rápido vai para as pacientes que sofrem de cólicas menstruais!

As cólicas podem aparecer antes, durante ou depois dos períodos e podem acontecer tanto na região frontal (ventre) quanto na dorsal (lombar). Para diminuir/extinguir as cólicas, usem os pontos VC4 + BP6 ou BP6+B40.  Os pontos B23 e B52 também podem ser usados!

Deixar um magneto do lado liso sobre o ponto VC4 também é de grande ajuda!

Quando estes pontos são tratados por um período apreciável de tempo, existe a possibilidade da cura das cólicas, que não mais incomodarão a paciente nas menstruações subsequentes!

Vamos tratar? :)

Abraço à todos!

Profa. Fernanda

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Live – Estresse segundo a Medicina Tradicional Chinesa

Boa Noite Pessoal!

Na noite de hoje, fiz uma pequena Live no facebook sobre Estresse segundo a Medicina Tradicional Chinesa, para completar o post de ontem!!

Quem quiser assistir, basta acessar: https://youtu.be/BmhS2z_q9T8

Grande abraço!

Profa. Fernanda

 

Posted in Uncategorized | Leave a comment

O Estresse segundo a Medicina Tradicional Chinesa

Bom Tarde Pessoal!

Hoje vou escrever um pouquinho sobre o Estresse segundo a Medicina Tradicional Chinesa.

Segundo o dicionário, Estresse é o estado gerado pela percepção de estímulos que provocam excitação emocional e, ao perturbarem a homeostasia, levam o organismo a disparar um processo de adaptação caracterizado pelo aumento da secreção de adrenalina, com várias consequências sistêmicas.

Essa liberação de adrenalina, pode ocasionar tensão, irritabilidade, frustração e impaciência.

Para Medicina Tradicional Chinesa, o Estresse pode ser causado pelo mau funcionamento do Fígado ou ainda pode GERAR um mau funcionamento no Fígado (Importante saber que para os orientais, um mau funcionamento do órgão pode levar à um problema psíquico ou o problema psíquico de longa data pode gerar um distúrbio no órgão).

Quando em equilíbrio, o Fígado mantém o fluxo harmônico de energia e sangue, ajuda no processo digestório, garante um sono sem sonhos perturbadores, faz com que a pessoa tenha foco e sentido de direção na vida e reaja adequadamente às situações do dia a dia mesmo aquelas consideradas mais difíceis.

Já, quando o Fígado está em desequilíbrio, o sangue e a energia não circulam adequadamente, gerando tensão muscular e dor de cabeça, ocorrem problemas digestórios como queimação e gosto amargo na boca, sono agitado, falta de foco e sentido de direção na vida, e reações exacerbadas às situações como gritar, esbravejar e em casos extremos, faz com que a pessoa parta para agressão física.

Como vimos acima, os sintomas de desequilíbrio do Fígado estão associados aos sintomas de Estresse, e partindo deste princípio, precisamos equilibrar o funcionamento deste órgão.

E o que a Acupuntura e a Medicina Chinesa podem fazer pelo equilíbrio do Fígado?

- Usar pontos de Acupuntura, ventosas e fitoterapia estão entre as alternativas para tratar o paciente sob estresse.

Se quiserem saber mais, os convido para me assistir, ao vivo,  amanhã, quarta-feira, dia 19/07/17, às 20h na página da IEDUV, no Facebook!!!

Acesse: https://www.facebook.com/ieduvcursos/

Aguardo vocês lá! <3


Posted in Uncategorized | Leave a comment

JOGO RÁPIDO!

Boa Dia Pessoal!

Hoje o jogo rápido vai para quem está sofrendo com a Congestão Nasal do Inverno!

Para os pacientes que estão gripados, com o nariz “entupido” e com tosse produtiva (catarro), os pontos IG20, IG11 e P9 podem ajudar!

Lembrando e a coriza e o catarro, para Medicina Chinesa, são considerados umidade interna/fleuma, então devemos usar pontos que extingam esses fatores patogênicos. Além dos pontos, o Chá de Gengibre também ajuda na eliminação da umidade! – Cuidado apenas para os que possuem gastrite, pois o chá de gengibre tem a essência quente e pode irritar um pouco o estômago :)

Além de remover os fatores patogênicos, o terapeuta deve fortalecer o Pulmão, e consequentemente o Wei Qi (energia de Defesa), evitando assim, recidivas da gripe!

Um abraço à todos e Saúde!

Profa. Fernanda

Posted in Uncategorized | Leave a comment

Fascite Plantar – Parte 2 -Visão da Medicina Tradicional Chinesa

Boa tarde leitores!

Estou de volta para continuar o assunto: Fascite Plantar. Agora, com a visão segundo a Medicina Tradicional Chinesa.

Para os Chineses, qualquer fator que interrompa a circulação harmônica de Qi (energia) e Xue (sangue), nos meridianos, pode causar doença, seja ela psicossomática ou física.

Neste post, irei abordar alguns motivos que podem afetar a circulação de Qi e Xue e podendo causar a Fascite Plantar:

1) Invasão de Fatores Patogênicos – Frio/ Umidade

A Fascite Plantar, pode ser considerada,  para a Medicina Tradicional Chinesa, um dos tipos de Síndrome Bi.

A Síndrome Bi é uma doença que indica DOR, SENSIBILIDADE ou FORMIGAMENTO nos músculos e afecção dos tendões e articulações devido à invasão externa de VENTO, FRIO ou UMIDADE, proveniente de fatores climáticos.

A invasão dos fatores climáticos externos só é possível quando existe uma deficiência preexistente do Qi e do Sangue na superfície do local afetado.

Em se tratando de Fascite Plantar, os dois fatores climáticos principais são: O Frio e a Umidade, que penetram através das solas dos pés não protegidas (descalças).

Quando há invasão de umidade, a dor é caracterizada por sensação de peso e formigamento nas solas dos pés, hipersensibilidade ao tocar e na maioria das vezes há edema. Existe piora da dor quando clima está úmido.

Já, quando há invasão de frio, a dor é severa, irradiando para articulação do calcanhar, com limitação do movimento. Na maioria dos casos, tanto a umidade quanto o frio podem estar presentes, somando-se, então, os sintomas.

  • Para a Fascite Plantar ocasionada pelo Frio, sugiro os seguintes pontos: E36, E41, B60, R3.
  • Para Fascite Plantar ocadionada pela Umidade, sugiro os seguintes pontos: BP9, BP6, B60.

Observação: Sempre que houver fator patogênico, o mesmo deve ser eliminado do paciente, por exemplo: usar pontos que dissolva a umidade BP9 e usar moxa para extiguir o frio. Nos casos de umidade, a moxa também é bem recomendada.

2) Fatores diversos 

Além da invasão de fatores climáticos, outros fatores podem contribuir para o aparecimento da Fascite Plantar, como por exemplo: exercício físico excessivo, trabalho com movimentação repetitiva, insuficiência latente de Qi, de Sangue e de Yin, acidentes que podem causar estagnação de energia unilateral no local afetado e até mesmo fatores psicológicos, como a tristeza, que esgota o Qi e o Sangue.

Em todas as situações citadas acima, a consequência é uma interrupção da circulação harmonica de Qi e Xue, que sempre causarão dor, baseado nos conhecimentos básicos de Medicina Tradicional Chinesa.

Por último, e não menos importante, é necessário que o acupunturista saiba que toda e qualquer afecção dos meridianos que passam pelo pé podem gerar a Fascite Plantar.

Os meridianos que passam pelo pé são: Rim, Bexiga, Fígado, Vesícula Biliar, Baço-Pâncreas e Estômago.

Quando o paciente apresenta dor sobre a linha destes meridianos, o terapeuta deverá utilizar protocolos que envolvam os Meridianos Tendíneo-Musculares (Pontos Tsing Meridiano afetado + Ponto de Tonificação + ponto Ashi + ponto de União).

Independente do fato de causa da Fascite Plantar, o terapeuta deve sempre:

a) Remover os fatores patogênicos, quando presentes.

b) Reestabelecer a circulação de Qi e Sangue e usar pontos locais para dor. Dessa forma o paciente sempre se sentirá melhor.

Dúvidas? Vamos caminhar?

 

Posted in Uncategorized | Leave a comment