Ansiedade – Acupuntura e Dietoterapia Chinesa

Olá queridos leitores!

Hoje nossa leitura será sobre ansiedade!

Você se sente ansioso? Já se perguntou se técnicas de Acupuntura e Dietoterapia podem ajudar nesse estado tão incômodo de agitação mental?

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a Ansiedade é um sentimento de inquietação e preocupação, geralmente generalizado e sem foco, como uma reação exagerada a uma situação que é apenas subjetivamente vista como ameaçadora. É muitas vezes acompanhada por tensão muscular, inquietação, fadiga e problemas de concentração.

Em Medicina Tradicional Chinesa, a ansiedade afeta o Coração. O Coração é responsável por controlar o Shen, ou seja, a mente. Quando estamos ansiosos, temos um “Shen Perturbado”, ou seja uma “Mente Perturbada”.

Todo movimento de agitação gera um calor interno, e no caso da ansiedade, temos Calor do Coração. Assim, recomenda-se que, para nos sentirmos menos ansiosos, devemos “remover o calor do coração”.

São alguns pontos indicados para diminuir o calor do coração: C7, C8, CS6, CS7, CS8.

Existem pontos com a indicação de melhorar a ansiedade, sem necessariamente possuírem a função de remover o calor do coração, como o Yintang, VG20 ou ainda pontos auriculares de Ansiedade, Coração e Tensão emocional.

É importante saber que os pontos de acupuntura reagem à diferentes tipos de estímulos e não somente com agulhas. Se não for possível atender um paciente pessoalmente, que precise controlar a ansiedade, podemos orientá-lo a pressionar esses pontos de 1 a 3 minutos, sempre bilateralmente (quando o ponto existir dos dois lados). Além disso, estímulos com magnetos ou stiper também podem ser realizados.

Partindo do princípio que na ansiedade há um Calor de Coração, precisamos fazer com que o paciente se alimente de substâncias que possuam a essência fria ou fresca para esse órgão, como o melão, a melancia, o morango, a hortelã, a maçã, entre outros. Mais alimentos podem ser encontrados nas tabelas disponíveis em:  https://www.facilitandoacupuntura.com.br/tabelas-de-alimentacao-terapeutica/

Além do Coração,  o Baço pode estar prejudicado e enfraquecendo com os pensamentos excessivos. Para diminuir os pensamentos excessivos, use BP3 e consuma raízes de boa qualidade como o inhame e a batata doce com frequência na dieta. Ensinar o paciente a estimular BP3 é uma excelente maneira de acalmar a ansiedade e melhorar a atenção, foco, concentração e capacidade de aprender coisas novas. Situações essas, atrapalhadas pela ansiedade.

Lembrem-se, a ansiedade por algo bom que virá a acontecer, como uma viagem, uma entrada de dinheiro na conta ou um presente que será recebido é normal. Mas em hipótese alguma, deixar de viver o presente a espera de um futuro incerto, será saudável para o corpo. Então vamos cuidar da mente e do Coração?

Espero que tenham gostado!

Um grande abraço à todos!

Profa. Fernanda Mara

O lado espiritual do ponto VG20

Olá Leitores! 

Hoje, inspirada pelo final de semana de curso com o professor Neil Gumenick, resolvi escrever um pouco sobre a explicação da Medicina Tradicional Chinesa, baseada nos 5 elementos sobre o ponto VG20.

Quando falamos em Acupuntura, sabemos das possibilidades de se tratar problemas físicos e psíquicos. E dentro da MTC, dizemos que os problemas psíquicos, mentais e emocionais são desequilíbrios do Shen, ou seja, da Mente, que é governada pelo Espírito, igualmente escrito como Shen.

Na visão oriental, o Espírito é sempre perfeito, pois ele não nasce, ele apenas é… Uma energia não substancial. Podemos imaginar o nosso Espírito como o céu totalmente azul e sem nuvens.

Conforme vamos crescendo, ouvimos muitas coisas boas e outras tantas ruins, como “você não é bom o suficiente”, “você não é bonito o suficiente”, “desista, você não vai conseguir”. Com o passar dos anos, nosso “céu azul” vai ficando cheio de nuvens escuras, sujeito à grandes tempestades. Ou seja, nosso espírito acaba ficando poluído por pensamentos e idéias negativas que comandam a nossa mente, e que normalmente, tem origem externa, vindas de outras pessoas.

O importante dessa analogia, é saber que nenhuma nuvem é permanente, que é possível após uma tempestade, o céu voltar a ser azul. Nuvens sempre se dissipam. Assim também ocorre com nossos problemas emocionais ou com os problemas de nossos pacientes.

É importante saber que não existe:  “Eu SOU um doente emocional”mas sim “Eu ESTOU doente com minhas emoções”.

E é nesse momento que podemos usar o VG20.

O VG20 é o vigésimo ponto do meridiano Vaso Governador. Situado no topo da cabeça, é o ponto mais alto do corpo, por isso, conhecido como o ponto mais Yang de todo nosso sistema. Visto de maneira espiritual, VG20 é o ponto mais próximo que temos do céu, ou seja, o ponto mais próximo de nosso espírito, e sua energia Yang é capaz de limpar as nuvens, clareando os pensamentos, dando esperança, ânimo e capacidade de dissipar os pensamentos negativos.

Tendo função tão nobre em um mundo onde índices de depressão,  ansiedade e suicídio só crescem, creio ser de extrema importância considerar não somente o uso deste ponto com agulhas em sessões de Acupuntura, mas também ensinar o paciente sua localização e como pressioná-lo sempre que houver sentimentos ruins criando as tais nuvens sob o céu azul.

A moxa também pode ser utilizada por profissionais habilitados nesse ponto.

Há muitas outras funções de VG20 que já discuti em posts no Instagram. Mas essa função, sem dúvida, foi uma das mais importantes que estudei nos últimos tempos e queria mesmo ter compartilhado com vocês.

Espero que tenha sido válido!
Grande abraço à todos.

Profa. Fernanda Mara

Observação –  leiam os artigos do Prof. Neil Goumenick no link: www.acupuncturetoday.com